sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Ele & Ela: Uma história romântica

Jeito muito estranho
de começar uma paquera.

Ele era muito na dele;
Ela era muito na dela;

Mas não adianta:
quando tem que ser,
ninguém segura.

Ela fingiu
que não estava interessada.

Ele fingiu
que não tava rolando nada.

Mas era como o por do sol
ou o cair da noite:
uma hora, tinha que acontecer.

Passou uma semana... duas.
Vários olhares desencontrados no meio da rua.

Até que um dia, uma amiga em comum
falou para ela: “ acho que ele está à fim de você”.

Ela negou, contrariada...
disse que ele não era o seu tipo...
que a amiga estava enganada – e desconversou.

Outro amigo (um tanto incomum)
disse à ele a mesma coisa de outra maneira:
“se você não chegar nela, eu chego sua toupeira”.

Com uma campanha (ou pressão) assim tão acirrada,
não havia para onde correr.

E numa festa num sábado à noite,
armou-se o cenário para o desfecho dessa trama.

E como foi? Quem é que vai saber?
A história não é só minha...
conte ela também você:

Denis Correia Ferreira
26/08/2011-09:33

N.D.A.: Este texto, é uma homenagem às musicas que falam dessas histórias de Amor improváveis, que tem tudo para dar errado mas que no final, dão certo.
Musicas tipo “Eduardo e Mônica” (Legião Urbana) e “Ele Quer Me Conquistar” (Leoni).
O final da história, é interativo. À medida que forem chegando os “finais” enviados eu vou incorporando ao texto. Este texto será postado tanto no blog quanto no Recanto das Letras.

Conheça outros textos inéditos de minha autoria no Recanto das Letras:

9 comentários:

  1. Muitas e muitas vezes vi isto acontecer. A negação é quase sempre o primeiro ato.

    Adorei!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Que gente enrolada, não? Achei o texto uma gracinha mas na prática é estranho quem precisa de empurrãozinho pra ser feliz...rs

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. As histórias começam de tantas maneiras diferentes, o melhor da vida é viver e deixar acontecer!

    ResponderExcluir
  4. Eles se olharam e disfarçaram muitas vezes, ate que ela decidiu ir embora, ao ver ela sair, ele foi atrás. Estava chovendo, ao sair ele viu ela de costas, na calçada, se protegendo da chuva na pequena cobertura, não sabia o que faria mas, foi com passos seguros ate ela. Ao chegar bem pertinho tocou levemente seu ombro, ela virou e se olharam por alguns segundos, e se beijaram e da chuva se esqueceram e na chuva continuaram se beijando...

    ResponderExcluir
  5. Logo depois..
    ele: Me apaixou qando te vi
    ela ficou meia envergonhada e ficou em silencio
    ele: voocê aceita namorar comigo ?
    ela:Meu amor com vc eu aceito tudo
    Logo depois deram outro beijo........

    ResponderExcluir
  6. (Beth) Denis, tinha esquecido dessa historia, q delicia...Vamos dar continuidade?rs Daniela, vamos lá?

    ...E depois disso muitos outros beijos e carinhos, eles já acordavam c vontade de ouvir a voz um do outro, driblavam os compromissos p se verem todos os dias...

    Sonhavam dormindo e acordados com seus momentos. Sentiam o corpo arder de desejo, mas, existia um porém, ela (que já era sofrida) estava determinada, "só seria mulher de mais um homem, seria seu grande, verdadeiro amor e ultimo..." por isso, estavam adiando esse momento sonhado de entrega e delicias...

    Ambos não tinham duvidas de que seria um momento perfeito. Mas, ela precisava se sentir segura de que não seria apenas um lindo momento para recordar um dia, mas, que seria para sempre...

    Dificíl e angustiante espera...e ele?


    ResponderExcluir
  7. Gostei infelizmente q ñ continuou e ñ tenho muita imaginação ñ então eu ñ consigo criar nada !!!! mas eu achei super fofo pena q ñ terminou !!!! Amei d+ ..................

    ResponderExcluir
  8. Assim que eles se encontraram na festa, trocaram muitos olhares .Ele esrava perto da piscina a amiha dela morrendo de vontade de velos juntos foii arrastando-a.Morrendo de vergonha ela ficou sem REAÇÃO o amigo dele foi pé anti pé,conbinaram e os amigos deram um empurrãozinho .Eles comessaram a olhar para a boca um do outro e um beijo inesperado aconteceu todos gostaram muito do q aconteceu.... espero q gostem!!Bjs

    ResponderExcluir
  9. Ele *agachado* : Você…
    Ela *surpresa* : Eu?
    Ele: Sabe amarrar sapatos? *sorriso maroto*
    Ela: *sorrindo* Aff…Você é muito…
    Ele: Infantil? Então me ensina a ser adulto, e aceita se casar comigo?

    Espero que gostem :) Beijoos

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário!!!