domingo, 4 de outubro de 2015

Depois do texto #01


E então em algum momento, as palavras se alinham de uma maneira única e diferente. Tudo se encaixa. Tudo faz sentido. E eu, lendo as minhas linhas e entrelinhas, me escuto, me entendo e descubro aquilo que o meu coração diz e a razão tenta sufocar. Ainda dói. E há dores profundas. Dores que duram e que perduram... que adormecem e aguardam pacientemente o seu momento de vir à tona.

Dreamaker (Denis Correia)
04/10/2015-08:54

N.D.A.: As vezes, depois que eu escrevo, ainda restam ideias soltas ou algo que por algum motivo, não foi incluído no texto original. As vezes depois de ler o que eu escrevi, algumas reflexões ou consideração sobre o texto surgem. Essas idéias são registradas e incluídas "Depois do texto". É o caso desse pequeno texto que estou postando aqui... ele é um "Depois do texto" do texto "Ainda dói..." que ainda não postei em nenhum lugar. 

Enquanto isso, no Recanto das Letras:





Esses textos inéditos e muitos outros de minha autoria, você encontra apenas no site Recanto das Letras. Clique nos links e confiram os textos.